Dose Semanal: Word Of Mouf – Ludacris

Preciso começar esse Dose confessando que o Ludacris me decepcionou um pouco depois de Theater Of The Mind. Seu último grande álbum, sem dúvida, foi o Red Light District. Depois disso, pode-se dizer que ele perdeu um pouco da magia.

Magia essa que fica evidente no seu terceiro disco: Word Of Mouf. Lançado em 2001 pela Disturbing Tha Piece e Def Jam South o CD colocou o Ludacris entre os grandes nomes do rap Americano. O disco recebeu algumas críticas sobre como apelou muito mais para o humor e um estilo de rima descontraída, fugindo do personagem do gueto que Luda tinha criado para ele mesmo com os dois discos anteriores. Pra mim, isso fez com que ele criasse um identidade forte e se diferenciasse de tudo que acontecia no Rap naquela época.

O disco tem parcerias e participações de peso. Timbaland produzindo, Nate Dogg cantando, Three Six Mafia rimando, Twista rimando rápido e muitos outros. Na segunda música do disco você da de cara com o hit Rollout (aposto que se você conhece o som você está ouvindo “ROLL OUT” dentro da sua cabeça agora), e nessa hora você sabe que se trata de um clássico. Sem contar que trampo é HILÁRIO, divertidíssimo de se ouvir.

A parte chata é que é praticamente impossível falar sobre os “melhores sons” do disco num texto tão curto como o Dose Semanal. São 19 faixas que provam o quão versátil Ludacris pode ser. Pra não ser injusto, o clipe que vou deixar aqui é de um remix que não está no disco de uma música que está no disco.

 

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s