Dose Semanal: Deliverance – Bubba Sparxxx

O que essa capa tem de menos o disco tem de mais.

Em setembro de 2003 Bubba Sparxxx foi responsável por um pequeno marco na história do Rap. Foi, até aquela época, um dos discos mais bem sucedidos em unir o som sulista do Country e do Bluegrass com o Rap. O disco inclusive é citado, não só como um marco na cena por várias fontes confiáveis, mas também em algumas listas de “melhores álbuns de rappers brancos” já lançados.

Já que elogiamos a sonoridade do trampo, méritos aos responsáveis pelos beats. A produção do disco ficou na mão de Timbaland e Organized Noize (responsável por muitas músicas do Outkast). Os dois foram mestres em dar ao Bubba a oportunidade de fazer o tipo de música que ele sabia fazer com a cara da música que ele gostava de ouvir. E produtores sabem que isso nem sempre é fácil.

Não vou mentir pra vocês, ele não é um MC absurdo, não vai chegar com os flows mais mirabolantes nem com as letras mais impressionantes. Mas, quando jogou em casa, não decepcionou. As faixas que mostram melhor isso são as que mais entregam a influência por trás do trampo: Jimmy Mathis, Comin’ Round, Back In The Mud e Deliverance.

NEW SOUTH!

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s