Month to Month: Setembro

Setembro foi um mês cheio no rap. E como sempre, o Raplogia trouxe uma lista com grande parte dos lançamentos do mês para nossos leitores se atualizarem. Confira:

EUA

ÁLBUNS

Danny Brown – Atrocity Exhibition

rs-danny-001-fdb4c2a1-8310-4b12-bf7d-726d88e5b85b

O sucesso do aclamado “Old” veio com a missão de ser tão bom quanto o seu antecessor. A missão foi muito bem comportada, pois “Atrocity Exhibition” é um ótimo projeto.

O disco é um projeto ambicioso, com grandes produtores como Paul White, Alchemist e Black Milk, Danny Brown gastou uma quantia considerável com samples, e para as colaborações chamou nomes como Kendrick Lamar, ScHoolboy Q, Earl Sweatshirt, Ab-Soul e B-Real.

Isaiah Rashad – The Sun’s Trade

Cq0Wgi7VMAAXB1J_dq5egp

Isaiah Rashad passou por poucas e boas desde o lançamento de “Cilvia Demo” em 2014. O rapper teve problemas com álcool e depressão, mas aos poucos está saindo da lama, e com o disco “The Sun’s Tirade” ele retrata muitos dos seus demônios interiores.

O projeto tem uma atmosfera diferente dos outros projetos da Top Dawg, é extremamente pessoal e musicalmente mais suave que discos de ScHoolboy Q, Kendrick e Jay Rock. Boa produção e letras profundas marcam o álbum, que certamente estará entre os melhores do ano.

Mac Miller – The Divine Feminine

mac-miller-divine-feminine-album-new

Mac Miller voltou com um disco totalmente diferente. Com uma pegada maior no soul, o disco é um trabalho sobre o amor, com o próprio rapper revelou em entrevista.

O primero single, Dang!, ganhou o público por trazer o cara do momento, Anderson.Paak, que faz um excelente trabalho na faixa. “The Divine Feminine” é diferente de todo disco que você já ouviu do rapper, mas é uma nova guinada em sua carreira.

Outros lançamentos: A Tribe Called Red – We Are the Halluci Nation; Apollo Brown & Skyzoo – The Easy Truth; Audio Push – 90951; Babylon Warchild – The War Journals; Berner, Rich Rocka & San Quinn – Guilty by Association 2: Criminal Enterprise; Big Capp, Bun B & II Trill Ent West – Streetz-R-Minez; Big Dho – The Resume; Big Tray Deee – The 3rd Coming; Blaq Poet & Comet – Mad Screwz; Blu & Fate – Open Your Optics to Optimism; Cappo – Dramatic Change of Fortune; Chinx – Legends Never Die; Chuuwee – Economics; Daddy Grace – No Hip Hop for Grown Men; Dave East – Kairi Chanel; Death Star – Beautiful Me; Devvon Terrell – The Renaissance; DJ Mustard – Cold Summer; Fudge – Lady Parts; Iron Wind – The Warrior Inside; Irv Da Phenom – Dream Big Hustle Hard, Vol. 2; J Reno – Politikilla; Jay Trilogy – Seikatsu; Kent Jones – Too Much Too Soon; Kool Keith – Feature Magnetic; Kush Kelz – I Think the Neighbors Know; Lady Paradox & Gadget – Mood Swing; Like (Pac Div) – Songs Made While High; Locksmith – The Lock Sessions; Mac Lethal – Congratulations; Metta World – Diamond Wave; Meyhem Lauren & Harry Fraud – Precious Metals; Mibbs (Pac Div) – Killer of Sheep; Mick Jenkins – The Healing Component; Mike Zombie & Benzi Ayo – Ea$tside Story; Mykki Blanco – Mykki; Neef Buck – Forever Do Me 8; Philthy Rich & Mozzy – Political Ties; Ras Kass – Intellectual Property #SOI2; Reks – The Greatest X; Ryu – Tanks for the Memories; Shining Soul – Politics Aside; Sick Jacken – Psychodelic; Slaine – Slaine is Dead; Smackola – The Thomas Brookz Project; SmooVth – Ss96j (Smoothest Since ’96 J); $UICIDEBOY$ – Eternal Grey; Sultan Mir & Recognize Ali – Too Visible to See; Travi$ Scott – Birds in the Trap Sing McKnight; Trizz – LeatherFace 2; Willie Green – Doc Savage; Wordsworth & JSOUL – Blame It on the Music; Young Noble – Powerful.

MIXTAPES E EPS

T.I. – Us or Else (EP)

tip-usorelse-cover-68bd49ac

O rapper T.I. lança o segundo projeto do ano (o outro foi uma mixtape com a Hustle Gang). O EP “Us or Else” tem uma pegada mais política, devido aos acontecimentos ocorridos nos Estados Unidos pela comunidade negra.

O projeto é curto, mas nos traz boas esperanças sobre o futuro álbum do rapper. Participam de “Us or Else” os rappers Quavo, Meek Mill, Big K.R.I.T., e Killer Mike.

Outros lançamentos: 24hrs – 12 A.M (EP); Aesop Rock & Homeboy Sandman – Lice Two – Still Buggin’ (EP); Anu322 – The Stoned Ape (EP); Blac Youngsta – Fuck Everybody (Mixtape); Brodinski – The Sour Patch Kid (Mixtape); Ca$his – Ca-$ 1.5 (Mixtape); Caskey – No Apologies (Mixtape); Chris Travis – Shark Boy (Mixtape); Curren$y – Andretti 9/30 (EP); Eric Bellinger – Eric B For President (Mixtape); Fabolous – Summertime Shootout 2 – The Level Up (Mixtape); Famous; Dex – Dexter the Robot (Mixtape); Hustle Gang – Hustle Gang Over Errrrythang (Mixtape); JR Writer – Meet Zeus (Mixtape); Juicy J – #MustBeNice (Mixtape); K Camp – Lyric Ave (EP); Kid Ink – RSS2 (Mixtape); Kid Red – Guilty By Association (Mixtape); Lloyd Banks – All or Nothin – Live It Up (Mixtape); Lord Infamous – Anarchy (EP); The Mighty Moe & Edo. G – Still Ours (EP); Nef the Pharaoh – Fresh Outta Space 3 (Mixtape); Nyzzy Nyce – Lost in Paris (EP); OG Maco – Blvk Phil Collins (EP); Rich Rocka – The Fix 3 (Mixtape); Rob $tone – I’m Almost Ready (Mixtape); Royal Mind – Royal Mind (EP); Sa-Roc – Metamorpheus (EP); Scotty ATL – Daily Bread (Mixtape); Shakezpeare & Bronze Nazareth – N.G.E. (New Golden Era) (EP); Sonny Digital – G.O.A.T. (EP); Ty Dolla $ign – Campaign (Mixtape); Wax – The Cookout Chronicles (Mixtape).

BRASIL

ÁLBUNS

Dexter – Flor de Lótus

brasil-dexter-flor-de-lotus

O Oitavo Anjo está de volta! Dexter estava devendo um disco novo desde “Exilado Sim, Preso Não” de 2005. “Flor de Lótus” traz um time de colaboradores do mais alto nível, tanto nas produções (DJ Cia, DJ Caique, DJ Blood, Lakers e Pá, Bruno Zanardi, etc.) quanto nas participações (Terra Preta, Nego Jam, Duck Jam, Gregory, Edi Rock, Kamau, Lakers e Pá, Ed Motta, Pericles, etc.). O álbum possui um conceito interessante, sendo dividido em dois períodos, antes e depois do exílio, com Dexter narrando diversas histórias de sua vida em ordem cronológica. Ouça o disco no YouTube.

Espião & Sala 70 – O Jantar Está Servido

brasil-espiao-sala-70-o-jantar-esta-servido

Assim como o Dexter, Espião é outro nome das antigas que estava devendo um trampo novo. Seu último disco solo foi o “Cada Um, Cada Um” de 2011. Integrante do Rua de Baixo, Espião tem história no rap alternativo de SP. Em parceria com o produtor Sala 70, lançou “O Jantar Está Servido”, incluindo participações de Kamau, Ogi, Big Filho e Matéria Prima. Rimas apuradas e mensagens claras permeiam o disco. Que a sobremesa venha logo! Ouça o disco no YouTube.

Tássia Reis – Outra Esfera

brasil-tassia-reis-outra-esfera

Após o EP homônimo de 2014, Tássia lança seu primeiro álbum. “Outra Esfera” é um trabalho lindíssimo, com uma musicalidade que transcende o rap. Tássia rima e canta com igual maestria, e trata de assuntos variados em suas letras. Ouça o disco no YouTube.

Outros lançamentos: Admirável Mundo de Dionísio – Trilogia das Casas e Para Além do Muro; Caligari – O Terror Tá de Volta; Fred Sabino – A.C.T.U.S.; Pump – Pontos de Vista; Reis do Nada – Esquecidos pelo Mundo; Relato Ativo – Minha Quebrada em Forma de Rap; Scooby – Anti Herói; Suburbanos Rap – Vivência; Time Forte – Amor & Fúria 2031; Well – Gênese.

MIXTAPES E EPS

F.Costa – Faces (Mixtape)

brasil-f-costa-faces-mixtape

O rapper de Florianópolis F.Costa reuniu boa parte de sua obra, além de faixas inéditas, e lançou sua primeira mixtape, “Faces”. Mistura trap e boombap em boas produções, e traz participações de Ayó Da Poet, Takeo, Kfanha, SMR, Rudah Zion e L8. F.Costa bateu um papo com o Raplogia em nosso vídeo Resumo da Semana #4, onde mais detalhes sobre sua carreira e sua mixtape foram comentados. Confira o Soundcloud do F.Costa e seu canal no YouTube.

Makalister – Laura Müller (Mixtape)

brasil-makalister-laura-miller-mixtape

Outro nome de Florianópolis a lançar uma mixtape de destaque em setembro foi o Makalister. Após dois EPs, um álbum instrumental visual e alguns singles inéditos, esta é a primeira mix do jovem Maka, contendo treze faixas e apenas uma participação (Bon Vivant). Como de hábito em sua obra, há muito experimentalismo, influências de literatura, cinema, MPB, etc., resultando num trampo bastante original. Ouça a mixtape no YouTube.

PParalelo + Lurdez da Luz – Bem Vinda (EP)

brasil-pparalelo-lurdez-da-luz-bem-vinda-ep

Lurdez da Luz lançou um EP em 2010 e um álbum em 2014. Agora ressurge com o EP “Bem Vinda”, em parceria com a dupla de produtores PParalelo. O nome do EP tem a ver com a gravidez de Lurdez. “A gente se aproxima muito da fonte de toda criação quando está gerando uma nova vida, e se a mulher ficar atenta vai perceber uma conexão enorme com os canais para inspiração”, declarou a cantora. A mescla de pop, MPB e rap gerou um trabalho bem bacana e diversificado. Ouça o EP no canal do PParalelo.

Outros lançamentos: AldeiaKamikaze – Desculpe o Transtorno, Estamos em Construção (EP); Bface, Castanha & Lync – Sextape (EP); FxCKLOSBICOS – Ouroboros (Mixtape); Jefferson XR – Parte de Nós (EP); Kenny CDR – Made in Goma (Mixtape); Yannick – Também Conhecido como Afro Samurai (EP).

OUTROS PAÍSES

ÁFRICA DO SUL

Die Antwoord – Mount Ninji and Da Nice Time Kid

africa-do-sul-die-antwoord-mount-ninji-and-da-nice-time-kid

Na Month to Month de maio comentamos a mixtape “Suck on This”, e anunciamos que o novo álbum da dupla se chamaria “We Have Candy”. Mas Ninja e Yo-Landi acabaram mudando o título para “Mount Ninji and Da Nice Time Kid”. Trata-se do quarto álbum do grupo, mantendo-se fiel ao estilo que os consagraram, uma mistura de rap com música eletrônica também chamada de Rave-Rap. Nas participações, que incluem nomes como Jack Black (sim, o ator de Hollywood) e Dita Von Teese (a bela dançarina burlesca), nosso destaque vai para Sen Dog, na faixa “Shit Just Got Real”. Imaginem uma mistura de Die Antwood com Cypress Hill! Loucura demais! Ouça o disco na íntegra no canal da Zef Recordz.

ALEMANHA

Bonez MC & Raf Camora – Palmen Aus Plastik

alemanha-bonez-mc-raf-camora-palmen-aus-plastik

O disco mais alto astral do rap alemão em 2016 provavelmente é este “Palmen Aus Plastik”. Tanto Bonez MC quanto Raf Camora são nomes fortes do Hip-Hop germânico, e ambos já haviam lançados discos este ano (Bonez com “High & Hungrig 2” e Raf com “Ghøst”). Aqui eles caem forte no reggaeton e nas influências jamaicanas, mas sem deixar de ser rap de ponta a ponta. O resultado é divertido e dançante do início ao fim. Diversos videoclipes da dupla podem ser conferidos no canal da Crhyme TV .

ANGOLA/PORTUGAL

Força Suprema – E a União Fez a Força

angola-forca-suprema-e-a-uniao-fez-a-forca

O quarteto composto por Masta, Don G, NGA e Prodígio é oriundo de Angola, porém vivem em Portugal, de modo que podemos classificá-los como autênticos ‘Hip-Hop Tugas‘! Todos possuem carreiras solos bem sucedidas, mas juntos formam um dos grupos mais pesados de Portugal. Inclusive já falamos deles aqui no Raplogia, confira clicando aqui. O álbum “E a União Fez a Força” é um petardo trap, e todas as faixas ganharam videoclipes. Assista e ouça no YouTube.

ESPANHA

Kase.O – El Círculo

espanha-kase-o-el-circulo

Kase.O é integrante do Violadores del Verso, um dos grupos mais importantes do rap espanhol. “El Círculo” é o seu segundo disco solo, sucedendo o “Kase.O Jazz Magnetism” de 2011. Mesclando em seu conceito influências de Alquimia com ‘steampunk‘ (subgênero literário da ficção científica), e trabalhando com bases Boom Bap, Kase.O nos entrega um álbum com a maturidade típica de quem já possui mais de duas décadas de vivência no Hip-Hop. Ouça o disco na íntegra no YouTube.

FRANÇA

PNL – Dans la Légende

franca-pnl-dans-la-legende

Sigla de Peace N’ Lovés, PNL é uma dupla composta por dois irmãos (Ademo e N.O.S), e trata-se do maior fenômeno do rap francês nos últimos tempos. “Dans la Légende” é o terceiro disco do duo, e já ganhou disco de platina. Seus videoclipes no YouTube atingem números incríveis, superando até mesmo grandes nomes do rap norte-americano. O hit “DA”, por exemplo, já passa dos 58 milhões de views! O estilo do PNL é intitulado Cloud Rap, basicamente um trap mais lento e atmosférico, com letras bem chapadas, abstratas e absurdas (exemplos: A$AP Rocky, Bones, Denzel Curry, Lil B, SpaceGhostPurrp e Yung Lean). Vários videoclipes do PNL podem ser conferidos no YouTube.

Kery James – Mouhammad Alix

franca-kery-james-mouhammad-alix

Kery James é um dos maiores nomes do ‘rap consciente‘ francês, e está na ativa desde o início dos anos 90, quando participava do coletivo Mafia K’1 Fry. Este é o seu sexto álbum solo, um disco de grandes qualidades, tanto nas rimas como nas produções. Suas letras retratam a vida suburbana e a desigualdade na França de hoje. Seus videoclipes fogem do lugar comum e merecem ser conferidos.

ITÁLIA

Sfera Ebbasta – Sfera Ebbasta

italia-sfera-ebbasta-sfera-ebbasta

Após três mixtapes, o jovem Sfera Ebbasta entrega seu primeiro álbum, pela Def Jam/Universal. Sensação do trap italiano, ao lado do Izi (que foi destaque na Month to Month de maio), Sfera lembra uma versão italiana do Future. Mas também se arrisca em outras áreas, como o Reggaeton e o Afrotrap (cortesia do produtor Charlie Charles, seu parceiro de longa data). A única participação especial vem do francês Sch, outro talento da nova geração do rap europeu que também foi destaque na Month to Month de maioConfira o canal oficial de Sfera Ebbasta no YouTube.

REINO UNIDO

Wretch 32 – Growing + Over + Life

reino-unido-wretch-32-growing-over-life

Wretch 32 começou no movimento grime através do coletivo Combination Chain Gang, mas em sua carreira solo sempre trabalhou com outros estilos, incluindo o R&B e o gospel. “Growing + Over + Life” é seu terceiro álbum, e reúne todas essas influências e gêneros, resultando num disco de sonoridade pop e melódica, sem deixar de possuir um grande liricismo (Wretch 32 é considerado um dos rappers mais habilidosos do Reino Unido, sendo comparado a Kendrick Lamar e J.Cole). Infelizmente o canal oficial do Wretch 32 não possui atualizações recentes, mas vasto material de sua obra pregressa pode ser conferido.

Funky DL – Autonomy – The 4th Quarter 2

reino-unido-funky-dl-autonomy-the-4th-quarter-2

Funky DL é um lendário MC e produtor de Londres, com uma vasta discografia a partir de 1997. “The 4th Quarter 2” traz a fusão Jazz-Rap que é marca registrada do Funky DL, com os instrumentais mais elegantes do ano. Nos vocais, além de Funky DL, várias participações de cantores(as), mandando refrões fantásticos. Pura classe! Muito material antigo do Funky DL pode ser encontrado em seu canal oficial no YouTube.

4 Respostas para “Month to Month: Setembro

  1. Trombei com este site por acaso e de fato minha seção favorita é a Month to Month, imagino o trabalhão para garimpar os lançamentos de vários continentes! Parabéns mesmo e continuem assim (e torcendo para achar quase tudo no spotify!!)

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s