MC Xan é o campeão da Batalha do Real 2016

Fotos: Lucas Sá/I Hate Flash/Raplogia

Numa noite histórica que foi até às 4h da manhã no Circo Voador, na última quarta-feira, o MC Xan enfrentou, na final da Batalha do Real, o MC Estudante. Xan levou um prêmio em dinheiro de R$ 3 mil e um dos títulos mais importantes do rap nacional, que já foi antes de Emicida, Filipe Ret, Marechal, Maomé e Akira Presidente. A noite foi um festival de rap, com apresentações de nomes como Batoré e Papatinho, De Leve, Filipe Ret, MC Coé, Funkero, 3 Preto, AfroFunk Rio, Lívia Cruz e Akira Presidente.

img_4666

img_4751

Ainda sobrou espaço para freestyles dos MC’s Maomé, Schakal, Nissin (Oriente) e Orochi. Algumas rimas foram direcionadas diretamente aos políticos Anthony Garotinho e Sérgio Cabral, que recentemente foram envolvidos em diferentes escândalos policiais no estado do Rio de Janeiro. O público, que compareceu em peso numa das casas de show mais famosas da Lapa, aplaudiu a manifestação dos rappers.

IMG_4527.jpg

Também teve quem mostrasse gingado de sobra no break, para deixar bem claro que o hip-hop está mais vivo do que nunca.

img_4599

img_4607

Na batalha final,
Xan falou das ocupações das escolas durante o freestyle. Ele havia mostrado seu favoritismo ao título desde a primeira etapa da Batalha do Real, no Imperator, quando ganhou a rodada, e logo em seguida venceu a segunda etapa, em Jacarepaguá.

Uma característica forte do MC durante o campeonato foi o constante respeito aos rappers com quem concorreu, mostrando como as batalhas acontecem apenas nas rimas, mas que a amizade e o companheirismo entre os 16 MCs que participantes é grande. Curiosamente, não houve terceiro round.

“Essa vitória é um divisor de águas na minha vida. Planejo lançar as minhas músicas e viver do rap, que é o meu sonho. A única diferença é que agora eu tenho um pouco mais de investimento na minha carreira e mais olhos prestando atenção no que eu estou fazendo. Vou usar o prêmio em dinheiro para ajudar a família e, com certeza, investir na minha música e na minha carreira. Ganhar a Batalha do Real é colocar o meu nome na história que eu cresci acompanhando e admirando. Algo que era distante e do qual, agora, eu faço parte”, conta Xan.

Na noite, a Batalha do Real também apresentou as três faixas que produziu e lançou com alguns dos MCs que participaram da temporada, com produção de DJ Babz Brutal, curador musical do evento. O campeão Xan, por exemplo, participa de “Só eu sei”, com Natalhão e Eminente, que ganha clipe, em breve, do videomaker Rabú Gonzalez. Ainda foram apresentadas, ao vivo, as faixas “Fala na minha cara”, por Isaac ZO e Iguinho, e “Noite brutal”, por Samantha Zen e Rayzen, Aori Sauthon e Nuno DV.

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s