Hó Mon Tchain lança novo videoclipe da faixa inédita “Hora-Extra”

Nessa semana, o grupo paulistano Hó Mon Tchain, grande revelação do rap nacional atualmente, lança novo videoclipe da música “Hora-Extra“. A faixa é a de certa forma uma continuação da música “Fim de Expediente“, canção que finaliza o disco Assim que Nois Trabalha, consagrado projeto lançado no inicio de 2016 por eles.

A track soa como um bônus do segundo disco, uma extensão do trabalho com rimas soltas, além de ser uma espécie de encerramento de um ciclo, pois agora o coletivo busca novas sonoridades e diversas outras estéticas para o futuro, mas sem perder a essência e características habituais.

A música fala sobre jornadas estendidas e múltiplas de trabalho, assim como o nome sugere. É comum que artistas independentes, que não estão com a vida ganha, enfrentarem dupla jornada em seus empregos e diversas profissões além de músicos. Sobre isso, falando de suas próprias experiências e vidas pessoais, como ter um emprego fixo que pague as contas, mas ao mesmo tempo uma rotina de compor, criar, produzir e estar em estúdio, fora a estrada.

O novo trabalho audiovisual abusa de dois estilos de vídeos usados com regularidade atualmente na cena do rap brasileiro, que são os tipos cypher e os famosos lyric vídeos. Apesar de casuais e famosos, esses dois gêneros visuais são muitos simples em relação a técnicas, porém o grupo mesclou ambas as maneiras e recriou de certa forma um novo conceito, que traz as letras da música de forma animada dentro do vídeo, além de planos técnicos mais apurados, com ângulos de câmera um pouco mais trabalhadas, cortes mais sutis e uma pós produção criativa e um tanto eficaz.

O pano de fundo do clipe é estação paulistana de Metrô Corinthians Itaquera, famosa por ser localizada junto com um dos principais estádios/arenas de futebol do país, isso junto a uma das regiões mais periféricas da cidade. Um local que trabalha com contrastes de realidade, bem movimentado, além do fato de ser ponto de grandes quantidades de trabalhadores diariamente. Com ampla concentração de pessoas voltando dos seus respectivos empregos. Usando dessa rotina, como lógica para uma estética visual realista, no qual o grupo encontrou para mostrar de dita forma artística audiovisual, seus cotidiano proletariado, ao lado de sua arte não muito bem remunerado com a música de certa forma.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s